Flutuantes Passeios

Danielle Lins

Textos


Tanto Faz

Eu tento ser forte diante da vida,
Não me chatear, não sentir tanta dor,
Tento ignorar cada despedida,
Tento acreditar na certeza do amor...

Eu tento comer quando não tenho fome,
Bebo mesmo quando sinto o peito alagar,
Guardo boas lembranças de tudo que some,
Consigo sorrir quando quero chorar...

Eu tento ser justa e não ser cruel,
Procuro entender, perdoar, esquecer...
Nos dias nublados lembrar o azul do céu...
Das máguas guardadas tento me desfazer...

Eu tento sonhar mesmo sem dormir,
Acreditar no que nem sempre é verdade...
O que sinto demais tento nem sentir...
Convivo tão bem com a minha saudade!

Mas eu tento muito, todo o tempo, demais!
Tento e, se consigo, isso me deixa pior,
Porque se me escondo e é bom, tanto faz,
Não há maior prova de como sou só...
Danielle Lins
Enviado por Danielle Lins em 13/03/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autoria de Danielle Lins - www.daniellelins.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Seguir @daniellewheelys